Music

domingo, 19 de maio de 2013

Luz Sem Intensidade



"Sozinha recordando, enquanto os segundos vão passando, não sei como poderei te esquecer. Cai a chuva na janela desenhando teu olhar, um instante é uma eternidade. Estou cansada de sonhar sem ti, confundir a realidade e não sei se voltará. Para me amar e esperar, sem me pedir mais nada, se pudesse ser verdade já não haveria escuridão. Em cada história há um final, em cada amor há desamor, em cada encontro há uma ilusão. Somos tanta gente solitária e diferente, amar e ir contigo até morrer. Sozinha recordando, enquanto os segundos vão passando, não sei como poderei te esquecer."


(Luz Sin Gravedad - Belinda)