Music

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

De repente


"Antes de você minha vida era uma noite sem lua, muito escura, mas havia estrelas... pontos de luz e razão, e depois você atravessou meu céu como um meteoro. De repente tudo estava em chamas; havia brilho, havia beleza. Quando você se foi, quando o meteoro caiu no horizonte, tudo ficou escuro. Nada mudou, mas meus olhos ficaram cegos pela luz, não pude mais ver as estrelas e não havia mais razão para nada."


(Crepúsculo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.